início do conteúdo

Programa de Extensão e Desenvolvimento Rural

1. INTRODUÇÃO

O Programa de Extensão e Desenvolvimento Rural seleciona projetos necessariamente multidisciplinares, característica essencial das metodologias de extensão rural, realizando efetiva assistência técnica à produção rural, bem como inserindo nas comunidades conteúdos voltados a saúde, segurança, educação e cidadania das pessoas residentes no meio rural.

O Programa objetiva a Promoção do ambiente rural, com o emprego de metodologias participativas, iniciando-se pelo Diagnóstico Rural Participativo - DRP e procedimentos que resultem em desenvolvimento socioeconômico e ambiental, atuando no manejo sustentável dos recursos naturais; empreendedorismo na produção agrícola e agroindustrial; implantação de novos métodos de comercialização; diversificação e agregação de valor à produção; segurança alimentar e saúde ocupacional; acesso às políticas públicas, de forma a promover desenvolvimento no âmbito dos agro ambientes Matogrossenses.

Os projetos seguem as Linhas Temáticas e ou metodologias do Programa de Extensão e Desenvolvimento Rural, sendo imprescindível que se ofereça os trabalhos de Assistência Técnica à Produção Rural, bem como ao menos 2 (duas) outras linhas temáticas.

2. CONCEITOS ADOTADOS PELO PROGRAMA DE EXTENSÃO E DESENVOLVIMENTO RURAL

  • Extensão Rural: Conjunto de ações extensionistas multicurriculares e integradas, que se utiliza das metodologias da Assistência Técnica, social e ambiental, ofertando serviços e assessorias tecnológicas educacionais, como promotoras do Desenvolvimento humano no ambiente rural.
  • Desenvolvimento Rural: Processo sistêmico e continuado que pressupõe a elevação e melhorias dos índices que contemplam os aspectos populacional, econômico, social e ambiental, em um ambiente rural.
  • Ambiente Rural: se refere a toda área geográfica caracterizada pela ausência de grandes concentrações populacionais e com tendência a uma produção de bens primários, bem como construírem a sua própria identidade e organização econômica. Podem variar em suas dimensões dependendo do grau de desenvolvimento e da extensão de seu território.
  • Comunidade atendida: Coletivo de agricultores familiares ou patronais, inseridos no ambiente rural, que atuam como trabalhadores, gestores ou proprietários do negócio agrário.

 3. LINHAS TEMÁTICAS/METODOLOGIAS DO PROGRAMA DE EXTENSÃO E DESENVOLVIMENTO RURAL

  • Assistência Técnica à Produção Rural: Elaboração de DRP (diagnóstico rural participativo) da comunidade e/ou do nicho comunitário a ser atendido; Diagnóstico das matrizes produtivas locais; acesso à políticas de desenvolvimento rural; assistência técnica presencial aos trabalhadores rurais, bem como aos produtores rurais patronais em suas etapas de produção agrícola, pesqueira, pecuária, artesanal e extrativista; agregação de valor aos produtos, beneficiamento, marketing e comercialização; mecanização agrícola, gestão e planejamento de propriedades rurais;
  • Produção Artística e Cultural: Desenvolvimento de Artes Cênicas, Artes Integradas, Artes Plásticas, Artes Visuais e outras manifestações artísticas, cívicas, folclóricas e culturais.
  • Desenvolvimento de Produtos: Produção de origem animal, vegetal, mineral e laboratorial; manejo, transformação, manipulação, dispensação, conservação e comercialização de produtos e subprodutos de origem animal e vegetal.
  • Transferência de Tecnologia: Processos de difusão de tecnologias aplicadas, técnicas e processos produtivos (inclusive tecnologias sociais, práticas e protocolos de produção de bens e serviços); serviços tecnológicos; estudos de viabilidade técnica, financeira e econômica.
  • Empreendedorismo: Ações voltadas para a identificação, aproveitamento de novas oportunidades e recursos, com foco na criação de empregos e negócios estimulando a pró-atividade.
  • Esporte e Lazer: Práticas esportivas, experiências culturais, atividades físicas e vivências de lazer para crianças, jovens e adultos, como princípios de cidadania, inclusão, participação social e promoção da saúde e entretenimento no meio rural
  • Organizações da Comunidade e Movimentos Sociais e Populares: Apoio à formação, organização e desenvolvimento de comitês, comissões, fóruns, associações, ONG’s, OSCIP’s, redes, cooperativas populares, sindicatos, dentre outros.
  • Recursos Naturais: Planejamento de microbacias; preservação de mata ciliar e dos recursos hídricos e florestais, gerenciamento de recursos hídricos e Bacias Hidrográficas; prevenção e controle da poluição, desmatamentos e queimadas; Licenciamento ambiental; arbitragem de conflitos.
  • Saúde da Família e Proteção no Trabalho: Processos assistenciais e metodologias de intervenção para a saúde da família; ergonomia, educação para a saúde e vigilância epidemiológica ambiental, tendo como alvo o ambiente de trabalho e como público os trabalhadores rurais; saúde ocupacional.
  • Turismo: Planejamento e implementação do turismo (ecológico, cultural, de lazer, de negócios, religioso, etc) como setor gerador de emprego e renda para a comunidade; desenvolvimento de novas tecnologias para avaliações de potencial turístico; produção e divulgação de imagens em acordo com as especificidades culturais das populações locais.
  • Uso de Drogas e Dependência Química: Prevenção e limitação da incidência e do consumo de drogas; tratamento de dependentes; assistência e orientação a usuários de drogas; recuperação e reintegração social.

4. SÃO CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO E DESENVOLVIMENTO RURAL:

Ordem Referência Critérios de Avaliação Pontuação
01
Apresentação do projeto

Redação, estrutura formal e organização do Projeto (clareza, objetividade, resultados esperados, metas e ações) 0 – 10
02 Apresentação e consistência dos métodos de acompanhamento e avaliação dos resultados do projeto 0 – 10
03 Abrangência e relevância da proposta enquanto promotora de Desenvolvimento rural 0 – 10
04 Linha temática 01 Assistência Técnica Caracterização da Comunidade/público e dos problemas a serem objeto de intervenção técnica e social 0 – 10
05 Metodologia e estratégia de trabalho a ser aplicada para a execução do serviço de Assistência Técnica 0 – 15
06 Apresentação e consistência dos métodos de acompanhamento e avaliação dos resultados dos serviços de Assistência técnica 0 – 10
07
Demais Linhas temáticas propostas

Caracterização do público e dos problemas a serem objeto de intervenção técnica e social. 0 – 10
08 Metodologia e estratégia de trabalho a ser aplicada para a execução dos serviços previstos nas duas outras linhas temáticas escolhidas 0 – 15
09 Identificação de parcerias estratégicas, entidades, conselhos municipais e voluntários para os serviços de extensão e desenvolvimento rural propostos. 0 – 10

O Programa de Extensão e Desenvolvimento Rural selecionará, em 2019, 10 (dez) projetos, necessariamente multicurriculares de Extensão e Desenvolvimento Rural.

O Programa possui 11 (onze) Linhas Temáticas que prevê desde os trabalhos de assistência técnica à produção, como também conteúdos voltados a saúde, segurança, educação e direitos individuais das pessoas, para a promoção da cidadania.

Uma das características mais marcantes do programa é a interdisciplinariedade como fundamento, uma vez que não se pode verificar o desenvolvimento rural regional, sem antes buscar o desenvolvimento humano entre os indivíduos residentes no meio rural matogrossense.

Mais informações sobre editais e outras atividades nos links abaixo:

- Edital 2019: acesse

- Boletim Técnico de Extensão Rural: acesse

- Centro Vocacional Tecnológico do Cerrado - Fazenda Experimental de Agroecologia e Produção Orgânica: acesse

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

Avenida Senador Filinto Müller, 953 - Bairro: Quilombo - CEP: 78043-409

Telefone: (65) 3616-4100

Cuiabá/MT