início do conteúdo

Dúvidas frequentes

1. O que é um projeto de extensão?
R: Ação processual e contínua de caráter educativo, social, cultural, desportivo, científico ou tecnológico, com metas específicas a curto e médio prazo, necessariamente envolvendo a comunidade externa para a produção de conhecimentos, técnicas e tecnologias, visando atendimento a demandas sociais. 

2. Como posso participar de um projeto?
R: Poderá participar como coordenador, estudante ou membro da equipe executora. Há a possibilidade de concorrência em editais internos, lançados pela Pró-Reitoria de Extensão ou pelos campi, e em editais externos, como o PROEXT, Mais Cultura nas Universidades, Projeto Rondon, entre outros. Além disso, os servidores poderão desenvolver projetos voluntários.

3. Qual o período de execução dos projetos?
R: O período de execução varia conforme o edital ou conforme previsto nos projetos voluntários.

4. O que fazer para iniciar um projeto voluntário?
R: Elaborar o projeto e cadastrá-lo na Coordenação de Extensão do Campus, que registrará na Pró-Reitoria de Extensão.

5. Quais benefícios poderão ser concedidos pelo IFMT para fomentar projetos de extensão?
R: Bolsa extensionista, taxa de bancada e auxílio financeiro a publicações.

6. Como esses benefícios serão pagos?
R: Os benefícios serão pagos mediante depósito bancário em conta-corrente individual, registrada em nome do beneficiário.

7. Qual o valor das bolsas?
R: O valor das bolsas é calculado considerando a carga horária proporcional dedicada ao projeto pelo beneficiário, a partir dos valores orientados pelo CNPq. Para a carga horária de 8 horas semanais, a bolsa paga ao extensionista coordenador do projeto será de R$ 600,00 (seiscentos reais) e ao estudante bolsista, R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais).

8. Qual o valor da taxa de bancada e auxílio financeiro a publicações?
R: Até R$ 3.000,00 (três mil reais), conforme o Regulamento do Programa de Valorização da Produção da Pesquisa e Extensão (PVPE). Entretanto, no último edital lançado pela PROEX, foi pactuado que a taxa de bancada seria de até R$ 1.500,00 (um mil e quinhentos reais) para cada projeto.

9. Posso receber mais de uma bolsa do IFMT?
R: Não, é vedado o acúmulo de bolsa do PVPE/IFMT com outras bolsas do IFMT.

10. Como posso utilizar a taxa de bancada?
R: Para aquisição de material permanente e de consumo, serviços de terceiros (pessoa física e jurídica), auxílio financeiro para participação em evento científico e auxílio financeiro para publicação dos resultados do projeto.

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

Avenida Sen. Filinto Müller , 953 - CEP: 78043-400

Telefone: (65) 3616-4100

Cuiabá/MT